Vou fazer uma apresentação à turma. E agora?

Vou fazer uma apresentação à turma. E agora?

Esta 2f é um dia importante na aula de Português. São os “5 minutos com” com a apresentação de um livro à escolha.
A Francisca anda preocupada com o tema.

Uma vez que tivemos várias semanas com testes, não foi possível preparar a apresentação com muita antecedência, mas achei piada à consciência de que precisava de ajuda:
– Mãe podemos trabalhar a apresentação com a terapeuta?

E foi isso que fizemos. Primeiro contou a história à terapeuta depois escolhemos os momentos importantes da história e em seguida escreveu um texto sobre o livro.

Usámos aquela regra mágica: introdução, 3 parágrafos de desenvolvimento e uma boa conclusão.

Se foi preciso escrever? Sim. Ajudou a estruturar as ideias. Depois dedicou-se q treinar, treinar e treinar. Ajudou usar o cronometro do telemóvel.

– Sabes mãe, a professora diz que podemos levar um PowerPoint.
(E eu que odeio PowerPoint…)
– Acho melhor não. Vais-te distrair a ler.
– Pois tens razão, mas os meus amigos gostam de PowerPoint. Acho que ficam mais interessados na história.

E de repente tivemos uma ideia: Fazer um PowerPoint só com imagens que chame a atenção dos colegas, a ajude a contar a história que treinámos ao infinito, mas que ao mesmo tempo que não a distraia.

Não sei se vai resultar, mas teve dois efeitos: por um lado sentiu-se super crescida e por outro sentiu-se mais motivada.

Moral da história: É mesmo importante tornarmos as coisas leves e transformarmos o trabalho num desafio.Independentemente do resultado aprendemos sempre, porque experimentamos estratégias novas “sem medos”!

PS- Imagem do livro “ O menino que não gostava de ler”. Super giro!

Patrícia Teixeira de Abreu

Vivo a vida com intensidade e acredito que a dislexia pode ser uma oportunidade única de crescimento para uma família de miúdas com garra.

Artigos Relacionados

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

×