Notas que doem

Notas que doem

Às vezes esqueço-me que a dislexia é a melhor professora da paciência e da resiliência que há.É também aquela bruxa má, impiedosa e cruel que nos faz chorar e nos dá uma raiva imensa de tão injusta que é.

Estudámos Ciências à séria. Com desenhos e esquemas e uma parede cheia de resumos.Dominava a matéria toda. Até conversávamos sobre ciências, que chique! Pensei,que giro,isto é a verdadeira aprendizagem.

Fique absolutamente convencida que desta vez era um “Muito Bom”, mas é que sem esforço. Só que não. Foi um “Insuficiente”. E foi um insuficiente porque não percebeu algumas perguntas, porque a interpretação é um problema e porque o teste era enorme e a partir de meio há uma clara diminuição da concentração, com o completo desligar na última página.

Deu mesmo uma horrível vontade de chorar.Não pela nota em si, mas pelo desprezo da nota pelo nosso esforço imenso. Que temos de mudar a estratégia,nós sabemos. Mas cansa, mas é que cansa mesmo…

PS- Já alterámos a estratégia para o teste de História, e estamos a estudar com a resolução de testes.Vamos ver como corre, e depois damos notícias.

Patrícia Teixeira de Abreu

Vivo a vida com intensidade e acredito que a dislexia pode ser uma oportunidade única de crescimento para uma família de miúdas com garra.

Artigos Relacionados

6 Comentários

    Avatar

    Cristina Santos

    7th Nov 2021 - 10:23

    Bom dia,
    Uma dor mesmo! Compreendo perfeitamente, o meu filho tem disortografia e a letra é muito ilegivel, nos testes os professores escrevem em letras maiúsculas e a vermelho “deves fazer letra legivel!!!”, sinto uma injustiça e tristeza.
    Mas continuamos a lutar.
    Beijinhos e bom domingo
    Cristina Santos

      Patrícia Teixeira de Abreu

      Patrícia Teixeira de Abreu

      7th Nov 2021 - 18:57

      Olá Cristina,
      É de facto um enorme treino de persistência para eles e para nós!
      Um beijinho
      Patrícia

    Avatar

    Marcelo Costa

    7th Nov 2021 - 12:42

    Bom dia. Gostava de aprofundar o meu conhecimento sobre a dialexia, que literatura inicial me aconselha…
    Obrigado
    Marcelo Costa

      Patrícia Teixeira de Abreu

      Patrícia Teixeira de Abreu

      7th Nov 2021 - 19:13

      Boa tarde Marcelo,
      Numa perspectiva integradora de várias vertentes tem o livro “Dislexia dia a dia” que conta a história da Francisca, a duas vozes: a minha e a da Francisca. Tem intercalado várias entrevistas a especialistas: Terapia da fala, neurologia, especialista em perturbações da linguagem e da escrita e legislação.
      Pode ser adquirido em qualquer livraria ou aqui : https://www.livroshorizonte.pt/produto/dislexia-dia-a-dia/

      Obrigada

    Avatar

    Vanessa Castro

    7th Nov 2021 - 15:27

    Como entendo… É muito frustrante para estas crianças não verem o seu esforço recompensado. Não é só a estratégia de estudo que tem de mudar, é também a mentalidade dos docentes que muitas vezes não sabem como proceder perante a dislexia. Beijinhos e muita força 💪😘

      Patrícia Teixeira de Abreu

      Patrícia Teixeira de Abreu

      7th Nov 2021 - 19:19

      Obrigada pela força Vanessa.
      Sem dúvida que há um longo caminho a fazer na sensibilização para a dislexia.
      A parte boa é que todos podemos contribuir para isso. Obrigada pela ajuda neste caminho!
      Um beijinho

      Patrícia

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

Sobre

About Me
Determinada, entusiasta e enérgica gosto de sentir que crio valor. Desafios que envolvam comunicação, liderança e criatividade são para mim! Gosto do frio da barriga de novos começos. A monotonia aborrece-me e a paciência não é propriamente o meu forte...

Continuar a ler

Dislexia dia a dia

Contactos

Parceiros

×