Como está Projecto Escolas – A dislexia em Banda Desenhada?

Como está Projecto Escolas – A dislexia em Banda Desenhada?

Depois de todo o trabalho com o Projecto Escolas, noites e fins de semana a trabalhar, mais de 8.000 individuais já separados para várias escolas do país, eis que senão quando as escolas fecharam.

Eu não acredito que abram tão cedo, e quando abrirem pais e professores vão estar preocupados a recuperar a matéria. Vai levar algum tempo a estabilizar.

Depois do desalento inicial, pensei que poderia transformar isto numa vantagem fazer um upgrade e aproveitar estes meses para contactar o maior número de escolas e fazer uma acção de sensibilização nacional que no limite seria no dia 10 de outubro, que é o dia da Dislexia.

Para isso preciso de ajuda. Preciso de pais que puxem pelas escolas dos filhos e que em conjunto comigo levem este tema às direcções das escolas. Preciso de professores que desbloqueiem a inércia de algumas escolas e de equipas de psicólogos que dêem o primeiro passo. Basta preencherem aqui e podemos fazer um verdadeiro trabalho de equipa. E isto não é algo que possa esperar mais uns meses, há um trabalho imenso a assegurar antes.

Desde que lancei o projecto tive a sorte de poder contactar com professores, psicólogos directores de escola espectaculares que realmente querem fazer a diferença.

Fica o apelo: “Pais puxem pelas vossas escolas. Sem a vossa ajuda como facilitadores é tudo mais difícil. Há muitas escolas abertas à partilha. É preciso ligar, insistir etc? É verdade. Mas os nossos filhos ensinam-nos que não se desiste e que muitas vezes é preciso trabalhar muito mais que os outros.”

Já pensaram na alegria das nossas crianças quando finalmente deixarem de sentir o silêncio do amigo a mais um insuficiente ou os olhares admirados perante a dificuldade em ler?

Ajudam-me a chegar a muitos milhares de crianças?

PS- Todas as escolas com quem já falei e definimos o nº. de individuais e a acção de sensibilização podem ficar absolutamente descansadas. Os vossos individuais já estão guardados, e estão reservados para a vossa escola até conseguirmos avançar.

 

Patrícia Teixeira de Abreu

Vivo a vida com intensidade e acredito que a dislexia pode ser uma oportunidade única de crescimento para uma família de miúdas com garra.

Artigos Relacionados

Compromisso

Compromisso

Agosto 01, 2021
Falhar cansa…

Falhar cansa…

Julho 18, 2021

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

×