A mãe está off…

A mãe está off…

A mãe fez gazeta ao post de hoje.

A mãe anda com imensos temas ao mesmo tempo e tem um prazo para cumprir até ao fim de semana de um mega projecto das duas.(ainda não posso contar, mas é muito giro!).

Na verdade a mãe anda um bocado impossível e cheia de trabalho. Isto do confinamento também não ajuda. A mãe anda fartinha de nos aturar.A Maria no primeiro ano de faculdade está de xpto sempre a reclamar do covid, e que não tem a parte gira da faculdade ( que são as saídas com os amigos), a Madalena que este ano tem um horário horrível, anda rabugenta e implicativa, e na verdade eu também ando bastante chatinha e adoro irritá-las a todas. Na verdade estamos todas um bocado fartas umas das outras. Convenhamos que isto do teletrabalho e de a mãe ser o nosso “uber” permanente não a deixa propriamente radiante. E se juntarmos a isto a ideia de ficarmos ainda mais juntinhas nas próximas semanas…ui.

Por isso hoje sou eu que escrevo o post. Vou dar um “break” à mãe.Também merece! Então, novidades:

Saíram as notas das intercalares e tive boas notas. Fiquei tão contente! É claro que tenho imensas matérias para trabalhar melhor, mas é animador!

Outra coisa boa, a terapeuta ensinou-me uns truques top para o cálculo mental com números com zeros e eu acertei tudo no outro dia, por isso queria dizer às mães dos outros meninos que as terapeutas são fantásticas a encontrar formas fáceis de aprendermos coisas difíceis.

Entretanto esta semana andamos a treinar o ditado porque eu gostava mesmo de ter zero erros. Há um truque que funciona comigo que é escrever as palavras difíceis todas em coluna e todos os dias ler para cima e para baixo várias vezes – ajuda-me a não dar erros porque o meu cérebro tira fotografias às palavras.

E para terminar estou quase a acabar o meu décimo livro do “Diário de um Banana” (no último post antes das férias do Verão eu estava a ler o quarto!). Acho que vou ler a colecção toda. Eu levo o meu livro para todo o lado (até para a escola!). A mãe às vezes acha estranho eu ler tão rápido e abre o livro ao calhas para me fazer perguntas. Depois fica tão contente que diz que me compra todos os livros que eu quiser. Que pena não dizer a mesma coisa em relação aos brinquedos que eu adoro!

A mãe volta no Domingo. Vai em sonhos viajar SOZINHA ( a parte do sozinha é extremamente importante para a mãe, vá-se lá saber porquê…) ao sítio giro da fotografia e volta “cheiinha”de paciência para…uma semana de preparação para os testes!

Beijinhos
Francisca

Patrícia Teixeira de Abreu

Vivo a vida com intensidade e acredito que a dislexia pode ser uma oportunidade única de crescimento para uma família de miúdas com garra.

4 Comentários

    Avatar

    Luísa Ramos de Carvalho

    11th Nov 2020 - 20:01

    Francisca, amei a tua publicação. Não sei se tens noção mas realizas-te o sonho mais querido de qualquer mãe: que os filhos venham em nosso auxílio quando precisamos de descansar. Olha podes partilhar co a Eliana aquilo do cálculo dos zeros. Ela também não sabe. Olha e emprestar os livros do Diário do Banana? Ela só tem dois, já os leu e é como tu leva-os para todo o lado para ler. Muito bom e beijinhos. Quando a tua mãe regressar da viagem imaginária diz-lhe que me conte tudo. Amo viagens imaginárias. São super em conta …

      Patrícia Teixeira de Abreu

      Patrícia Teixeira de Abreu

      14th Nov 2020 - 18:41

      Loooool… claro que sim. Emprestamos os livros quando quiser 🙂
      Beijinhos
      Francisca

    Avatar

    Rita

    12th Nov 2020 - 19:00

    Olá Francisca
    Gostei muito de ler o teu post! Estás de parabéns!
    Eu sou amiga da tua tia Maria, andámos juntas na faculdade.
    Beijinhos

      Patrícia Teixeira de Abreu

      Patrícia Teixeira de Abreu

      14th Nov 2020 - 18:42

      Olá Rita,
      Que giro! Vou dizer à tia Maria.
      Um beijinho
      Francisca

Deixe o seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados *

Sobre

About Me
Determinada, entusiasta e enérgica gosto de sentir que crio valor. Desafios que envolvam comunicação, liderança e criatividade são para mim! Gosto do frio da barriga de novos começos. A monotonia aborrece-me e a paciência não é propriamente o meu forte...

Continuar a ler

Contactos

Parceiros

×